arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

As Vezes

Vento Norte

Passagem

Fantasma do Amor

SER

ERRO

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

Terça-feira, 7 de Novembro de 2017

As Vezes

FORGIVEN.jpg

 

As vezes

Penso que estou sozinho

Entre hoje e amanha

Alguém está comigo

Desde o amanhecer

 Ao anoitecer Hoje morro

Amanha vivo

Estou ao teu lado

E tu ao meu

Juntos pensaram

Que está acontecendo

As vezes quando penso

Que acabou é o começo

Sentindo o adeus

Não do fim Mais sim do princípio

De uma lagrima perdida

Mas não incompreendida

Julgado pela capa

As vezes

De sonhos proibidos

Mas podendo sonhar

Como seria gritar

A palavra magica

Para todo mundo ouvir

E não ser somente uma vez

E ser todas a vezes

Na magia do amor Gritando

Te AMOOOOOOOOOOO.

Autor -Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 10:35
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 5 de Novembro de 2017

Vento Norte

vento.jpg

 

 

Vento Norte Hoje te senti,como tu me sentiste

Percorri na passarela

Te olhei quando nela entrei

Havia aquela corrente

Que não me deixou indiferente

Olhei em teu olhar

Frio como o vento norte

Virei de rumo

Tentei subir o rio

Contra corrente,

estava repleto de gente

Mas o vento não era de feição

Assim se tornava em contradição

Quanto mais tentava

Mais escorregava na minha subida

E o vento não ajudava

Me votei de joelhos e orando

Pedindo mudanças de ventos

Mas nada me contemplava

Somente vento me regelava

Ouvindo vozes moribundas

De outros ventos passados

Como de assobios em outras paragens

Tinha ventos favoráveis

Outros contra assim como os de feição

Nesta minha navegação,

Não podia ser ajudado

Somente o vento me dava boas novas

Na passarela da vida

Mostrei o que valia onde era perfeito

E o imperfeito da ação

Foi entregar ao vento minha navegação

Falando com o vento

Me deu uma lufada de esperança

Forças para eu navegar

Seguir enfrente

Com orgulho sentir o vento

Viver a vida e aproveitar cada momento

Navegar não é fácil

Temos de ter muito cuidado

Não encalhar se o vento empurrar

Porque nem todo mar é água

Tem ventos assim como as rochas

Tempestades e furacões

Os seus amores e suas desilusões

Mas há a lufada do vento norte

Que da força e limpa paixões …

Autor -Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 22:33
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

Passagem

22687778_2162583953767926_8073347053600790091_n.jp

 

 

Passagem

Tirei passagem no tempo

Cheguei nesse momento

Onde não sabia qual era

A passagem para este tempo

Durante a viagem

Me encontrei com saudade

 Senti frio em alguns momentos

Alegria em alguns tempos

Sim porque estou de passagem

Vi ,  

Vejo rostos sinceros

Rostos sofridos e doridos

Alguns alegres e outros convencidos

Estou no patamar da ilusão

Amo sem convenção

Faço tudo por amizade

Sou capaz de entregar meu coração

Esta passagem me faz amar

Porque do amor nasci eu

Estou de passagem

E vou lutar contra maldade

Porque assim sou

E vou lutar contra o tempo

Porque nesta passagem

Não há volta no tempo

Somente recordação

De outros momentos

Sejam lindas ou frias

Ficaram gravadas

A todo momento

Porque estamos

Na passagem do tempo

Porque nesta vida tudo

Está programado

Não vimos por acaso

Somos escolhidos

Para a passagem

Do momento

Assim será nossa vida

Por a eternidade

Da vida e sentir o bom

E esquecer o fraco momento

Viver do amor

Na passagem do tempo…

Autor . sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 15:35
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 22 de Outubro de 2017

Fantasma do Amor

ghost.jpg

Amor fantasma 
Aqui estou sem poder falar 
Sendo fantasma 
O vento me levou ao teu encontro
Ao teu lado estou a sonhar
Me sinto envolto no teu corpo
Tu não me sentes 
Sou ar de vento
Com coração dentro 
Amando esse teu ser 
Mas eu sinto sendo fantasma 
Qual o caminho a seguir 
Sendo eu um fantasma 
Em tua vida
Para que leias minha poesia
E sintas meu amor 
Verdadeiro por inteiro 
Mas como posso amar 
Sou fantasma e tenho coração
Me transformo em fumo 
Quando tu acendes a chama do amor 
Eu estou ao teu lado 
Inalando teu perfume 
Onde tu inalas o meu
Como um fantasma te sigo 
Por amor e amo 
Sendo verdadeiro 
Estou ao teu lado dia inteiro 
Só assim te posso guardar 
Contemplando teu sorriso 
Ouvindo tua voz 
Te despindo ao mesmo tempo 
Em tempo do amor 
Mas que pena 
Nada disso acontece 
Sou fantasma 
E fantasmas 
Ninguém vê 
Assim vou andar com o vento 
E agradecer ao amor 
Que amortece minha dor
Sou fantasma do tempo 
Que senti este momento
Saudade vida com o vento... 
Autor-Sonhosolitario

 

publicado por Sonhosolitario às 13:50
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017

SER

como-ser-quem-sou.jpg

Ser 
Ser como sou 
Este meu ser 
Na entrega do meu destino 
Tentando não esquecer 
A quem pertenço 
E me pertence 
Para uma eternidade
Não de uma descoberta 
Mas sim de um sonho 
Que me acolhe em teus sonhos 
Entregue ao teu olhar
E ao perfume do teu corpo 
Envolto em meus pensamentos 
Medito o quanto errei 
Dizendo que te amo 
Não considerando erro nenhum 
Porque amar é humano 
A minha vida lutar
Ganhando forças 

Somente amor 
Pode ajudar
Somente amor 
Sendo humano 
Contento me com tão pouco 
Oferecendo tudo 
Na entrega do amor 
Segredo dos meus sonhos 

Para dizer chega 
Humano sou
Assim como tu és 
E sentimos os dois 
Na entrega dos sentimentos 
Alivia a minha dor
Para que as lagrimas cristalinas 
Não fiquem partidas
Ao encontro do chão 
Derramadas com a minha poesia 
Nunca deixas de ser como és 
Me deixando inalar teu perfume 
A nesse lindo momento 
E ser como sou assim será 
Nas minhas recordações 
Amar o amor 
E nunca deixar 
De sonhar…

autor- Sonho solitario

 

publicado por Sonhosolitario às 11:45
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: