arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

VOZ

Espaço

Sensação

PRIMAVERA

Tentei-Tentando

Esperando- espero

Segunda-feira, 23 de Agosto de 2010

Especial Amor

Amor Especial

Teu amor é especial

Tu que nasces-te do nada

E em muito especial te tornaste

Deste que te olhei e me afirmei

Que de ti gostei

Só ainda nada estava confirmado

Por de ti te gostado

E em ti não ter reparado

Que és do meu inteiro agrado

E nunca tinha imaginado

Que chegou de repente

Que deixou minha vida mais contente

O amor se tornou real

Ao ficar no plural

Para se sentir e amar

Estando tu presa nos meus pensamentos

Alegrando os meus dias

Ouvindo tuas palavras

Que me soam a doces melodias

Como te visse todos os dias

Para tentar recordar

Este amor invulgar

Que apaixonado me faz ficar

Porque és aquilo que eu procurava

E me faz acreditar

Por ser tão verdadeiro e real

Me fazes a verdadeira emoção

Para que possa escrever com o meu coração

E não me falta imaginação

Para falar deste amor com devoção

Por ser especial e nunca mais acabar

E este amor tem de continuar

Sendo sempre especial…

Autor -Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 05:49
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Agosto de 2010

Foi em Agosto

 

 ... Foi em Agosto que te conheci...

faço das palavras do Victor as minhas.

 

Foi em Setembro que te conheci!...
Trazias nos olhos a Luz de Maio…
Nas Mãos o calor de Agosto…

E um Sorriso!...

Um SORRISO tão grande que não cabia no tempo…

Ouve!... Vamos ver o mar!

Foste 30 de Fevereiro de um ano por inventar!...

Falamos… Falamos coisas tão loucas que acabamos em silêncio por unir as nossas bocas…

E eu Aprendi a AMAR!...

Sim, eu sei, que tudo são recordações….
Sim, eu sei, é triste viver de ilusões…
Mas tu foste, a mais linda História de Amor, que um dia me aconteceu!...
E Recordar é Viver!...
Só tu e eu!...

Foi em Novembro que partiste… …
Levavas nos olhos as chuvas de Março…
E nas mãos o mês frio de Janeiro…
Lembro-me que me disseste…
… Que o meu corpo tremia…
E eu… Que queria ser forte…
Respondi que tinha frio…
Falei-te do vento-norte…

Não!... Não me digas ADEUS!!!...
Quem sabe… Talvez um dia…
Como eu Tremia meu Deus!...

AMEI como nunca Amei!...

Fui louco?... Não sei, talvez…
Mas por pouco… Muito pouco…
Eu voltaria a ser louco!,,,

Amar-te-ia outra vez!!!...

Sim, eu sei, que tudo são recordações….
Sim, eu sei, é triste viver de ilusões…
Mas tu foste, a mais linda História de Amor, que um dia me aconteceu!...

E Recordar é Viver!...
Só tu e eu!...

(Vitor Espadinha)

Para te dizer que jamais te vou esquecer

és muito especial na minha vida...

sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 05:16
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Terça-feira, 17 de Agosto de 2010

Assim me Sinto

 

Assim me sinto por a maldade de algumas pessoas !!!

Sonhosolitario

 

publicado por Sonhosolitario às 19:24
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 3 de Agosto de 2010

Será Amor !

Será Amor!

Quando caminho te sinto ao meu lado

Assim que adormeço,

Dormes comigo

Entras nos meus sonhos

Em que me fazes transpirar

Não sei,

Se de saudade de contigo não estar

De te ver ou só imaginar

Pensando te encontrar uma flor vou tirar

Julgando poder te encantar

Para entrares no paraíso e bailar

Encontras o mundo de sonhos

Para com tempo recordar

Lindos momentos e contemplar

Aquela linda doçura do amor

E aprender amar

Será amor ou visões

Que nos faz ter as mais lindas sensações

Será falta de carinho

Meiguice,

Ou será minha tolice

Pensar que te posso amar

Entre encruzilhadas de destino

E alvoradas de noites frias

Imaginando teu corpo perto do meu

Mas tu que estás em Lisboa onde me encontro eu?

Será em Viseu porque foi lá que o nosso amor

Aconteceu,

Pensando eu

Será amor

Julgo

E penso eu.

Autor-sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 22:10
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 1 de Agosto de 2010

Humano

Humano

Quem sou eu?

Pergunto a mim mesmo

Quem serei, porque me juntarei a ti!

Que já não sei quem és

Ou quem foste, ou se existes,

Ou se algum dia exististe

Para mim és figura fora do meu baralho

Porque os baralhos nunca serão internos

Esta é a razão do meu ser

Amigo do meu amigo

Ser do meu ser

Viver e deixar viver

Respeitar e ser respeitado

Amar e ser amado

Culpar e não ser culpado

Esse erro jamais arrastará comigo

Sou amigo do amigo

Bem do bem

Minhas palavras fazem eco

Entre corações sem caminho

Quando sentem a verdade

No caminho direito

Da felicidade e da paz

Na minha navegação

Encontro a paz

No mar solitário

Encontro tudo que será necessário

Para velar e remar contra as correntes

Deste meu viver

Porque não quero viver numa ilha deserta

Porque humano será

Neste meu viver

E humano viverá até o meu corpo desfalecer

Preso a verdade e pela verdade

Ficará e assim humano me tornará…

autor-Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 18:05
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: