arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

As Vezes

Vento Norte

Passagem

Fantasma do Amor

SER

ERRO

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

Terça-feira, 18 de Agosto de 2009

Tempo do meu tempo

 

Tempo do meu tempo

 

Tento parar o tempo,

Em momento certo

Porque só a tempo o consigo

Não é todo o momento,

Que consigo parar o tempo...

 

Paro no tempo

 Quando tenho tempo de sobra

E quando o amor me adora

 Quero parar no tempo

Quero o teu sorriso a todo momento 

Sentir tua felicidade,

Por muito tempo...

 

Mas cada coisa tem seu tempo

Tempo de amar

Tempo de contemplar

Tempo de imaginar

Tempo de lutar

Pela felicidade

A todo tempo...

 

Tento dar tempo ao meu tempo

Amando numa cabana

Sentido a todo tempo

A chuva da felicidade

No amor do momento do tempo

E ai consigo parar o tempo...

 

Eu sei que não duro todo tempo

Porque o tempo não me deixa

Sou semente do tempo

Por isso luto internamente

Contra o tempo do meu tempo!!!

autor Sonhosolitario

 

sinto-me:
publicado por Sonhosolitario às 05:36
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De M.Luísa Adães a 22 de Agosto de 2009 às 08:55
sonhosolitario

Que bom seria parar o tempo, em certos momentos.

Que bom seria avançar o tempo, noutros momentos.

Mas Ele corre sem se importar com os nossos desejos, indiferente à nossa ânsia de o parar ou
o fazer avançar,

Ele, Tempo, é o senhor, das nossas vidas.
Lindo o teu poema!

Com carinho,

Mª. Luísa
De arca_animalis a 21 de Agosto de 2009 às 11:42
Olá,
Os meus dois blogs estão em outra votação. Por favor vota num dos meus blogs sempre que puderes.
A votação tem como finalidade escolher o blog que mereçe ser o destasque do mês neste blog: http://twilight_crepusculo.blogs.sapo.pt/

O teu voto pode ser decisivo. Confio em ti para me ajudares.

Muito Obrigado!
De Sindarin a 20 de Agosto de 2009 às 21:18
Olá meu amigo. Que lindo. ...eu seu k não duro todo o tempo, porque o tempo não me deixa...
É maravilhos. Eu tb gostava de ser eterna, e se na eternidade encontrássemos só quem nos quer e a quem queremos bem era estectacular. Um imenso beijinho de amizade amigo. Espero k esteja td a correr mto bem.
De AMSP a 19 de Agosto de 2009 às 00:55
http://www.dailymotion.com/video/x951gx_florent-pagny-cest-comme-ca_music

Deixo esta musica.
Abraço

Comentar post

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: