arquivos

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

...

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

VOZ

Espaço

Sensação

PRIMAVERA

Tentei-Tentando

Domingo, 13 de Dezembro de 2009

CORPOS

CORPOS

Corpos uma peça escultural definida

Com carícias pintados

De amor e perfumados

E sempre planeados

Dos sonhos sonhados

Sem destinos mas com coração

Voando pelo mundo da razão

Com o melhor sentido

Amar em união

Tentando sonhar com infinito

Somente uma razão

Não pensar em outro amor

Somente aquele que temos

A nossa mão

Não quero acordar no tempo

Por limite indefinido

Quero por ele amar

E que seja o preferido

Neste meu corpo adormecido…

 

sonhosolitario

 

sinto-me: um so corpo
música: a minha
publicado por Sonhosolitario às 09:29
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De blueye a 18 de Dezembro de 2009 às 21:37
Voltei meu amigo... tal como pediste... mas também porque gosto muito do que escreves... e sentes... mais uma vez superas-te todas as espectativas...
admito que estou triste e o post pos-me um pouco melhor... e com vontade de escrever...
coloquei hj mesmo um post novo depois de ler o teu...

abraço
Blueye
De Helena Paula Aveiro a 14 de Dezembro de 2009 às 23:49
Meu querido:
Se não estás perdidamente apaixonado... enganas bem!
Aproveita, porque pode durar a vida inteira!
Beijinhos
De Sonhosolitario a 16 de Dezembro de 2009 às 01:35
olá doce helena
sim estou perdidamente apaixonado pela vida lol.
espero estar e continuar sempre, porque sem paixão não amor,
és mesmo do norte carago.volta sempre,
muitas felicidades nesse coração azul...
doce beijinho
sonhosolitario
De Sindarin a 14 de Dezembro de 2009 às 15:06
Olá meu amigo. Maravilhosos estes coprpo unidos e um amor completo e tão belo. Obrigado pela amizade e por estares sempre presente ao meu lado amigo. Um beijinho.
De Sonhosolitario a 16 de Dezembro de 2009 às 01:31
olá amiga Sindarin
bom dia ,
sim é uma maravilha a união do amor completo e tão belo de sedução.
volta sempre querida amiga.
doce beijinho
sonhosolitario
De Alzira Macedo a 14 de Dezembro de 2009 às 09:17
Bom dia amigo...

Pelos vistos o amor paira no ar...
Lindo!!!
Gostei deste teu poetar, desta tua vivenvia, e de tua forma de partilhar...
Pois como não posso passar sem deixar algo...
Aqui fica os meus votos de que alcanses os teus obetivos e os teu sonhos...

Envolvimento magico...

Dois corpos envolvidos de magia,
Esculpidos pelo amor
perfumados pela carícia,
pelo desejo e emoção
de partilhar a sensualidade
com que aviva a alma.
Vagueando pelo tempo das recordações
faz palpitar os corações
Com o sem razão,
do destino nunca procurado.
No silêncio da noite
a entrega desse amor comungado
O infinito é teu, nesse sonhar
Não te deixes perturbar…
Ama sem medidas, sem limites
Acorda esse corpo adormecido!..
No êxtase da partilha,
do dar sem medida…
Mão entre mão!
percorram o mundo,
dos sonhos, das paixões…
Com todas as suas realizações.


Beijocas doces até breve amigo...
Não te esqueças de que espero os proximos capitulos...
De Sonhosolitario a 16 de Dezembro de 2009 às 01:40
olá doce amiga Alzira
aqui está o mais dificel comentario até aos dias de hoje tenho recebido,como é que eu hei-de dar a volta,há tenho que lhe dar resposta a esti lindo poema.
vou fazer um dueto ...
doce beijinho
sonhosolitario
De LR a 13 de Dezembro de 2009 às 23:35
Lança e alcança
no compaço do tempo,
num só corpo
o capricho do desejo
satisfaçao
do enleio da paixão.

Linda pintura de palavras,
nesse teu corpo adormecido
e vivo
de sedução.

Boa semana.
Bjº.
LoveRight
De Sonhosolitario a 16 de Dezembro de 2009 às 01:28
olá amiga loveright ,
bom dia, sim lindo este compaço de corpos desnudos
pela sedução.
aodrei seu comentario,continuação e semana feliz.
doce beijinho
sonhosolitario
De blogando-me1 a 13 de Dezembro de 2009 às 22:56
De Sonhosolitario a 16 de Dezembro de 2009 às 01:24
olá amiga blogando-me1
obrigada pela visita,tudo de bom e volte sempre.
doce beijinho.
sonhosolitario

Comentar post

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: