arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

VOZ

Espaço

Sensação

PRIMAVERA

Tentei-Tentando

Esperando- espero

Domingo, 7 de Fevereiro de 2010

Noites Vazias

Noites vazias

Noites são aquelas que sentimos solidão

Sentido e todo frio que nós trespassa o coração

Olhando entre a montanha e o luar

Tentando encontrar o teu olhar

Imaginando encurtar a distancia

Da solidão ouvindo o vento

Sem um sim ou um não

Tudo isto se diz

Solidão

Como são duras estás noites

Como um inverno que não passa

Porque no frio gelam os sentidos

Mas não o meu coração

Porque todo meu amor

Faz-me sentir o teu calor

No meio de um verão

E onde me encontro

Alivia um pouco a rotina

Da solidão

Amortece a dor

Mas nunca o coração

Assim serão sempre

Noites sem ti

Vazias no meio da solidão

Noites vazias

Noites vazias

Mas que paixão…

sonhosolitario

 

sinto-me: nalua
música: do blog
publicado por Sonhosolitario às 18:45
link do post | comentar | favorito
|
19 comentários:
De Rui a 3 de Março de 2010 às 12:18
Tal como tinha referido adorei imenso o que escreves... mas apaixonei-me por este poema. Já agora acertas-te com o blogue é mesmo: http :/ mateiaines.blogspot.com
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 11:06
olá amigo Rui
sim este é um dos poemas mais favorito que eu escrevi ,
obrigado pelas tuas palavras volta sempre que desejares, um abraço
sonhosolitario
De LR a 23 de Fevereiro de 2010 às 12:00
SonhoSolitario,...tanta solidão!

Neste submergir de palavras cheias de emoção, essa solidão fica repleta de um amor intenso e a floresce na solidão, deixando a solidão solitaria e tu acompanhado de sentimentos prontos a explorar nessa tua "solidão".

Kiss
LoveRight
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 11:04
olá amiga Love right
sim é no submergir das palavras que se sente a emoção do amor, e onde floreces a solidão que nos faz sentir o coração,
kiss sweet friend
sonhosolitario
De LR a 20 de Agosto de 2010 às 20:40
Bom fim de semana.
Big Kiss
LoveRight
De Orpheus a 16 de Fevereiro de 2010 às 04:50
Noites vazias que nos fazem passar,
noites sem dono, noites sem o olhar
tantas noites escuras
quanto possamos aguentar
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 11:00
sim Orpheus
faço das tuas palavras as minha ,
tudo de bom
volta sempre
sonhosolitario
De TiBéu ( Isa) a 13 de Fevereiro de 2010 às 00:09
A noite transmite solidão mas tambem amor, o sentimento é maior. T.. lindo tudo que escreves . Espero que tenhas recebido o meu mail e tenhas visto que podes ficar descansado.
Até breve e um bj
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 10:59
olá doce Tibéu
sim está tudo bem
volta sempre doce beijinho amiga ,
sonhosolitario
De Li@ a 11 de Fevereiro de 2010 às 10:45
Olá meu amigo sonho solitário, as noites podem ser sinónimo de solidão, mas também de grandes paixões vividas na imensidão da noite...Que esse amor te aqueça na solidão da noite e te traga grandes momentos de paixão.

Bjs
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 10:56
olá LI@
como vais amiga desculpa eu não tenho estado muito na net, para visitar todos amigo como desejava,
vamos lá ver se consigo fazer as tais visitinhas da praxe,
sim ná noite há o amor e paixão entre a solidão, e ai se transforna no calor da noite,
linda tua resposta, adorei , doce beijinho e feliz fim de semana.
sonhosolitario
De Rosinda a 9 de Fevereiro de 2010 às 11:20
Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite.
BEIJINHO
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 10:53
olá Rosinda
sim a solidão não nos vota medo, quando temos alguem em nosso coração, eu adoro este poema, tenho algo em comum dele,
doce beijinho
sonhosolitario
De Alzira Macedo a 8 de Fevereiro de 2010 às 22:18
Meu amigo sonhosolitario…
Tenho devorado teus poemas…
Tenho tentado perceber o que te vai na alma…
Não sei se consigo…
Mas sei que estás a escrever lindos sentimentos..
Estas noites vazias que descreves..
Sei as entender, sei as perceber…
sei o que te faz sofrer…
È certamente o mesmo que se passa com ela…
A distancia mata..
Faz distanciar o sorriso
o abraço
a força.
mas nunca o desejo…
Ele aumenta cada dia mais
Mas cercado de duvidas
de saudade
de medo do reencontro
Como eu te entendo…
Não deixes tuas noites ficarem frias
aquece tua alma com as recordações
com as palavras partilhadas
com as promessas proferidas
dá alegria ao teu ser…
Assim sendo transmites calor
e vossas noites de solidão,
se irão transformar em noites de luar
a recordar
a partilha do amor
a partilha do desejo
o da espera
e a do alcance…
um beijo para ti amigo sonhosolitario
que nada tens disso…
amanha ou depois nos irás brindar com um belo hino ao amor
pelo novo amanhecer
porque a esperança é a ultima a morrer

em teu coração...
De Sonhosolitario a 20 de Agosto de 2010 às 10:50
olá amiga alzira Macedo
sim para que tu comprendas um pouco deste poema, é um dos meus favoritos,saiu-me do goto,
são como sinto as noite vazias.
doce beijinho
sonhosolitario
De maripossa a 8 de Fevereiro de 2010 às 19:39
Sonhosolitário . A noite é o sinónimo de solidão, mas também dos amantes e do amor, dos poetas, marinheiros e tantos seres que gostam da noite, eu sou uma delas, trabalhei algum tempo de noite por turnos e me habituei, gostei imenso do poema.
Beijinho Lisa
De Sonhosolitario a 8 de Fevereiro de 2010 às 21:42
Olá amiga Lisa
Boa noite amiga, que encanto de palavras tu deixas aqui neste cantinho
Que feliz e eu fico com as minhas amigas de longa data, que lindo estar aqui, com este convívio porque é para vocês amigas e amigos que eu escrevo, sem vocês eu me sentiria solitário mas sendo assim só de nome.
Sim amiga Lisa a nostalgia da noite é linda, eu muitas vezes quando não consigo dormir vou para beira do meu mar ver as estrelas e falar com quem já partiu, que lindo amiga quando está o céu estrelado com os cometas passeando o céu, até perco a noção do tempo, é assim que eu mato as minhas saudades de quem amo…
É no calor da noite que eu escrevo os meus poemas, ouvindo uma música e pensado em coisas lindas da vida misturado com saudades da terra natal.
Porque a vida é assim mesmo, um doce beijinho
Obrigado
sonhosolitario
De Sindarin a 8 de Fevereiro de 2010 às 19:14
Este poema está belíssimo. Adorei amigo. A nostalgia das noites sem o amor, a paixão que se sente mesmo nas noites vazias que enchem a nossa alma de solidão.
Muito bonito. Um grande beijinho com muita amizade.
De Sonhosolitario a 8 de Fevereiro de 2010 às 21:49
Olá amiga Sindarim
Boa noite amiga, que encanto de palavras tu deixas aqui neste cantinho
Que feliz e eu fico com as minhas amigas de longa data, que lindo estar aqui, com este convívio porque é para vocês amigas e amigos que eu escrevo, sem vocês eu me sentiria solitário mas sendo assim só de nome.
Sim amiga Sindarim a nostalgia da noite é linda, não sei porque motivo mas eu adoro a noite em si, só não gosto dos dias cinzentos isso me deixa sem motivação para o que quer que seja eu costumo dizer são dias para ver um filme com um lindo cenário, como eu acabei de dizer é um privilégio ter umas amigas como vocês…
Porque a vida é assim mesmo, um doce beijinho
Obrigado
sonhosolitario

Comentar post

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: