arquivos

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

44 comentários
42 comentários
41 comentários
27 comentários
26 comentários
25 comentários
24 comentários
24 comentários
22 comentários
22 comentários

posts recentes

...

Probido

Corpo

Caminhos da Alma

PENSEI

VOZ

Espaço

Sensação

PRIMAVERA

Tentei-Tentando

Quarta-feira, 27 de Outubro de 2010

Voar

Voas-te

Porque te ensinei a voar

Assim como te ensinei amar!

Sentimos os ventos da felicidade

Honestidade

De umas vidas em comum

Desta humanidade

Entramos no mundo

Da paixão,

Cheios de promessas

Que o meu amor voava

Sem ilusão

Meu coração brotava

Flecha do cupido

De pontiaguda sensação

Sentia-me senhor do mundo

E rei do teu coração

Era linda a nossa felicidade

Porque lá morava paixão

Voas-te

E partiste-me

Mas que desilusão

Sinto-me sem forças e reacção

Estou nu,

Mas que desilusão

Que hei-de fazer

Para encontrar teu coração

Voas-te

Estou de asas partidas

Para o teu caminho encontrar

Meus voos cresceram

Ao longo do tempo

Forças aumentaram

Saudades ajudarão

Na alquimia da vida

Para voos certos

Em tua direcção

Reviver nosso amor

Para voar na direcção certa

Contigo voar

Nos sonhos do nosso amor

Porque temos o desejo

De amar …

Autor-sonhosolitario

 

publicado por Sonhosolitario às 12:49
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De LR a 6 de Novembro de 2010 às 01:28
Gostei!
Quem voa ,
encontra sempre outros voos.
Beijinho
Bom fim de semana

LoveRight
De Rosinda a 27 de Outubro de 2010 às 21:20
Olá Sonho Sollitário!
Belo poema , que o teu voar te leve a bom porto...
Um abraço
Rosinda
De Sonhosolitario a 28 de Outubro de 2010 às 14:39
olá doce amiga
Rosinda boa tarde, obrigado pelas tuas lindas palavras, sim é um lindo poema, e uns lindos versos somente que se enquadra na vida do presente da nossa gente.
obrigada e doce beijinho deste teu amigo
sonhosilitario
De maripossa a 27 de Outubro de 2010 às 18:44
Sonhosolitário ! Já por aqui tinha vindo, mas vi algum desalento nas palavras, o amor deve ser solto para que perdure, nada deve ficar preso contra a vontade.
Beijinho de amizade Lisa
De Sonhosolitario a 28 de Outubro de 2010 às 14:44
olá doce amiga Lisa
boa tarde, sim amiga o amor tem de ser livre e muito verdadeiro, concordo plenamente contigo, nada deve ser contra o desejo de duas pessoas e eu sou a favor disso,
volta sempre e adorei o teu comentario,doce beijinho deste amigo virtual,
sonhosolitario
De rodrigando a 27 de Outubro de 2010 às 15:28
Meu Amigo
Quando o amor é verdadeiro é preferível deixá-lo voar a deixá-lo aprisionado contra a sua vontade, mesmo que seja numa gaiola de Amor.
A dor que fica é atenuada pela certeza de que um dia alguém virá, de livre vontade, recolher-se e ficar nessa mesma gaiola, com grades feitas de abraços.
Um grande abraço também para si.
De Sonhosolitario a 28 de Outubro de 2010 às 14:49
olá doce amiga rodrigando
boa tarde e bem vinda ao meu cantinho mais uma vez
sim quando o amor é verdadeiro deve ser livre, sem voos cortade para isuferir da sua liberdade, porque quando há amor e respeito nada mesmo nada,consegue virar essa palavra a que se chama amor...
doce beijinho deste teu amigo virtual.
sonhosolitario,
p.s. estou a espera que entres no progama da Tvi
par at eouvir falar e conhecer mais um pouco desta amiga virtual,felicidades...
De rodrigando a 28 de Outubro de 2010 às 15:44
Obrigada meu amigo.
Foi isso que a experiência e a minha vida me ensinaram. Em qualquer situação da vida o respeito pelos que nos rodeiam é essencial. Não acredito que se possa gerar qualquer sentimento se o respeito pela pessoa que o OUTRO é ,não for para nós uma prioridade.
Penso que amanhã será na ultima parte do programa por isso depois das 16 horas.
Um abraço.
De Sonhosolitario a 31 de Outubro de 2010 às 11:35
Olá doce amiga Rodrigando
Bom dia e bom domingo
Pois aqui estou aqui para te dizer que fiquei encantado por ficar dentro da tua historia, de uma grande senhora de um coração formidável e verdadeiro, gostei de te conhecer, sim pela pessoa que és, de uma honestidade incrível, amiga do seu amigo, e acima de tudo com muito respeito, é dessas pessoas que são preciso no nosso meio dos blogs , para nós passar-mos um pouco de tempo expondo as nossas ideias e desabafos, da nossa vida e aquilo que nos dá prazer na nossa escrita,
Gostei de ter ver na televisão, e com uma nora aquém tu chamas filha, e ela o amor que mostrou por ti, porque na maioria nós sabemos que não é assim, adorei sinceramente,
Desejo-te muita felicidade e muita força, muita paz, saúde e amor nesse teu lindo coração…
Beijinho deste teu amigo
sonhosolitario
De rodrigando a 31 de Outubro de 2010 às 12:14
Meu querido Amigo
Como disse no programa pari três filhos e tenho mais dos emprestados. O que disse da minha norinha digo do meu filho mais novo (genro).
Ambos têm comigo o mesmo carinho, a mesma preocupação e a mesma disponibilidade. Quem não retribuiria de igual modo? Só um coração de pedra.
Ambos me respeitam tal como eu a eles, deram-me netos maravilhosos e fazem os meus filhos felizes. Que mais posso querer?
Mas agradeço as tuas palavras de carinho. Um bom fim de semana e um grande abraço.

Comentar post

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: