arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

1 comentário

posts recentes

Vento Norte

SER

Caminhos da Alma

Montanha

Domingo, 5 de Novembro de 2017

Vento Norte

vento.jpg

 

 

Vento Norte Hoje te senti,como tu me sentiste

Percorri na passarela

Te olhei quando nela entrei

Havia aquela corrente

Que não me deixou indiferente

Olhei em teu olhar

Frio como o vento norte

Virei de rumo

Tentei subir o rio

Contra corrente,

estava repleto de gente

Mas o vento não era de feição

Assim se tornava em contradição

Quanto mais tentava

Mais escorregava na minha subida

E o vento não ajudava

Me votei de joelhos e orando

Pedindo mudanças de ventos

Mas nada me contemplava

Somente vento me regelava

Ouvindo vozes moribundas

De outros ventos passados

Como de assobios em outras paragens

Tinha ventos favoráveis

Outros contra assim como os de feição

Nesta minha navegação,

Não podia ser ajudado

Somente o vento me dava boas novas

Na passarela da vida

Mostrei o que valia onde era perfeito

E o imperfeito da ação

Foi entregar ao vento minha navegação

Falando com o vento

Me deu uma lufada de esperança

Forças para eu navegar

Seguir enfrente

Com orgulho sentir o vento

Viver a vida e aproveitar cada momento

Navegar não é fácil

Temos de ter muito cuidado

Não encalhar se o vento empurrar

Porque nem todo mar é água

Tem ventos assim como as rochas

Tempestades e furacões

Os seus amores e suas desilusões

Mas há a lufada do vento norte

Que da força e limpa paixões …

Autor -Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 22:33
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017

SER

como-ser-quem-sou.jpg

Ser 
Ser como sou 
Este meu ser 
Na entrega do meu destino 
Tentando não esquecer 
A quem pertenço 
E me pertence 
Para uma eternidade
Não de uma descoberta 
Mas sim de um sonho 
Que me acolhe em teus sonhos 
Entregue ao teu olhar
E ao perfume do teu corpo 
Envolto em meus pensamentos 
Medito o quanto errei 
Dizendo que te amo 
Não considerando erro nenhum 
Porque amar é humano 
A minha vida lutar
Ganhando forças 

Somente amor 
Pode ajudar
Somente amor 
Sendo humano 
Contento me com tão pouco 
Oferecendo tudo 
Na entrega do amor 
Segredo dos meus sonhos 

Para dizer chega 
Humano sou
Assim como tu és 
E sentimos os dois 
Na entrega dos sentimentos 
Alivia a minha dor
Para que as lagrimas cristalinas 
Não fiquem partidas
Ao encontro do chão 
Derramadas com a minha poesia 
Nunca deixas de ser como és 
Me deixando inalar teu perfume 
A nesse lindo momento 
E ser como sou assim será 
Nas minhas recordações 
Amar o amor 
E nunca deixar 
De sonhar…

autor- Sonho solitario

 

publicado por Sonhosolitario às 11:45
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 7 de Junho de 2017

Caminhos da Alma

veu.jpg

Caminhos da alma

Minha alma luta e ama

Numa tempestade de amor

Onde os gritos ecoavam

Momentos de prazer

Naquela respiração ofegante

De corpos entrelaçados

Que de dois se faz um

Como descortina o poeta

De alma sem rosto

Pura imaginação

Amar a dois fica

O centro de emoção

Corpos cansados

Como de uma batalha

Travada no seu campo

Do amor ,

Caindo por terra

Inçando a vela

Do seu amar de corpo e alma

Da sua luta constante

Descobrindo novos rumos

No caminho do amor

Trovejava lá fora

E o amor estava dentro

Gritos ofegante de prazer

Nessa luta constante

Que nossa alma deseja

Se tentava formar num arco

Fazendo um vai e vem

O vento acalma

Os animais escutam

A chuva para

Mas dentro a cabana

Estão aquelas almas

Se amando

De vozes roscas

E explodindo de desejos

Entre doce beijos

Em que suas bocas tremem

Se amando no aos do seu amor

Dando de beber a sua dor

Naquele minuto

Tudo parou e a flauta tocou

O hino do amor

Que será tocado para sempre

Viva o amor

Que faz esquecer nossa dor…

Autor sonhosolitario  

publicado por Sonhosolitario às 20:30
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Outubro de 2015

Montanha

caminhada.jpg

 

Montanha

Hoje estou  no alto da montanha

Parei olhei, meditei, sorri,

Caiu me uma lagrima de saudade

Motivo dessa lagrima

Foi o vento que me afagou o rosto

E me disse, olha em frente

Sente a brisa da montanha

Com o ar fresco

Sempre cada dia que nasce

Tenta tocar no outro cume

Nem que seja pelo pensamento

Faz bem por fora como por dentro

Respira e imagina

Como a vida é como gelatina

Doce gostosa e deliciosa

E nada se pode desperdiçar

Encontramos o nosso  viver e amar

Respira este ar fresco da montanha

De leve sente a nova vida em ti

Luta por ela agarra te com toda força

Sonha luta ama medita e sorri

Não desças de pressa

Vamos passo a passo

Tens alguém do teu lado

De mão dada juntos nesta

Longa caminhada,

Com sentimentos iguais

Mas sempre juntos

De rosto serio e olhando

Força irmão

Está é a nossa luta

VAMOS VENCER.

AUTOR -SONHOSOLITARIO

                                              

publicado por Sonhosolitario às 11:52
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: