arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007


blogueiro

Posts mais comentados

5 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários
1 comentário
1 comentário

posts recentes

As Vezes

Suspiro

CHORO DE TODOS NÒS

Nevoa

Vai chover Hoje

Sentimento de vida

Sussurro

ADEUS

Onde te encontras

Nuvem Cinzenta

Terça-feira, 7 de Novembro de 2017

As Vezes

FORGIVEN.jpg

 

As vezes

Penso que estou sozinho

Entre hoje e amanha

Alguém está comigo

Desde o amanhecer

 Ao anoitecer Hoje morro

Amanha vivo

Estou ao teu lado

E tu ao meu

Juntos pensaram

Que está acontecendo

As vezes quando penso

Que acabou é o começo

Sentindo o adeus

Não do fim Mais sim do princípio

De uma lagrima perdida

Mas não incompreendida

Julgado pela capa

As vezes

De sonhos proibidos

Mas podendo sonhar

Como seria gritar

A palavra magica

Para todo mundo ouvir

E não ser somente uma vez

E ser todas a vezes

Na magia do amor Gritando

Te AMOOOOOOOOOOO.

Autor -Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 10:35
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 8 de Maio de 2015

Suspiro

suspiro.jpg

Suspiro

Hoje suspiro com o vento

O vento também suspirou

Juntamente com a saudade

Entre a chuva e o tempo

No meu porta-chaves

Tentei e encontra a chave mestra

Para parar este meu suspiro

E não encontrei no tempo

Aquilo que no momento

Tentei não perder

Sabia que ia recordar

E o meu suspiro

Não conseguia conter

Era o momento que algo

Estava a acontecer

Olhei em teus olhos

Peguei tua mão

Pedi-te de joelhos

Implorei-te de todo coração

Junta a mim no meu suspiro

Neste meu amar

Está é a minha vida

Juntar as pedras terra e o ar

Fazer delas uma gravação

Que esta recordação

Seja sempre suspirada

Nas quatro estações

Entre tempestades e bonança

Noites frias e mal dormidas

Sonhos defeitos e amargurados

Lagrimas e suspiros

Junta-te a mim

Nem que seja no meu sonho

Assim como no meu ultimo suspiro

Diz baixinho te amo

Meu amor…

Autor - Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 00:04
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Dezembro de 2014

CHORO DE TODOS NÒS

homem.jpg

CHORO
Chorei e não tinha que chorar
Derramei sem ter que derramar
Não sei o motivo mas chorei
Sentia uma dor no meu peito
Quase ia rebentar
Queria olhar o horizonte
E tentar respirar
Era tão longe e não consegui tocar
Foi tudo no mesmo momento
Não deu para parar
Então deu-se o choro
E não eu tinha para conseguir deixar
Ainda era o começo
E continuava a chorar
Era uma dor tão grande
Não sei se ia conseguir suportar
Tudo e nada podia ter
Queria fazer o tempo voltar
Me queria livrar da minha dor
Ela não ia embora
Tenho que aguentar
Vou olhar as estrelas
Para mais uma nova contemplar
Aprender amar o universo
Para as minhas lágrimas secar
Tentar ver ao longe
Seu brilho a brilhar
Porque quando volta a saudade
Sei que volto a chorar
E nada há que me possa curar
Deste meu choro
Desta minha saudade
Que toda vida vai guardar
De tua imagem
No meu navegar
Entre o céu, terra e o mar.

Autor Goodheart

 

publicado por Sonhosolitario às 16:53
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 14 de Junho de 2013

Nevoa

Nevoa

Hoje vi uma nuvem quando o dia nasceu

Estava eu na minha janela

Quando tudo escureceu

De repente num milésimo de segundo

Ouvi vozes ao longe

E com mistura de ventos e algumas lagrimas

O ruido se misturou em meu pensamento

Que eu tentei parar, porque queria continuar amar

Amei com alento desde o primeiro momento

E agora nada ficou tudo passou aquele terrível momento

Foi feitiço do momento do tempo

Porque a tempestade não trazia vento

Eram vozes no momento

Com as lagrimas de gente que sentiu a tempestade

Deste tempo do amor que causou uma grande dor

Não há médicos e pessoal disponível

Para acudir tamanha tempestade

De amor e de dor

Porque ainda está por encontrar essa divina cura

Porque não é com uma pastilha se realiza uma cura

Amor não se limpa o amor perdura

Quando sente amargura dessa nevoa transformada em loucura

Por palavras agrestes na colheita de um amor

Que depois da tempestade

Nada sobrou, de dor lagrimas e sonhos desfeitos

Sem salvação de vida

Não há cura

Porque vou aprender a não usar a palavra de amor em vão

Na próxima vai ser guardada e não usada como outra qualquer

Porque amor, não é uma palavra simples de se dizer

Vou dizer quando somente ter a certeza que poderei dizer a valer

Para que a nevoa não a limpe uma vez mais

Meu amor te amo amo amo amo e amarei!!!!!!

Autor -sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 00:16
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Novembro de 2012

Vai chover Hoje

 

Vai chover hoje

Hoje chove e vai continuar chovendo

E eu aqui não me movendo

Olhando através da minha janela

Estou fixo nela e com ela

Nada pode mudar

Só me resta esperar

Pelo sol radiante a todo instante

Porque ninguém mudara

A não ser tu

Por isso chove

E vamos ter de aguentar

Um dia mais Chu vento

E a chuva traz o vento

Com o vento vem tua imagem

Mas não a bagagem,  

Descortinando entre as gotas

Como se fossem diamantes

Refletindo tua imagem

Em meu pensamento

A todo momento

Será porque chove!

Sei que não para de chover

Choveu ontem, e hoje continua

E assim continuo sofrendo

Na espera que algo mude

Será que o vento vai ajudar cicatrizar

Ou será o quando o tempo mudar

Sinto frio estou tremendo

Preciso de calor e sentir amor

Para me aquecer desta chuva

Quero que pare de chover

Para me convencer que algo pode mudar

E sim procurar viver

Sem estar a chover

Mas tudo esta ficando turvo com a chuva

Meu deus como odeia a chuva

Mas não devo odiar devo sim amar

Porque a chuva me ajuda a viver

Porque sem ela não encontro água para beber

Com água  há vida

Da vida transforma-se em amor   

E sem amor nada sente

E deixamos de ser gente

Por isso

Mesmo precisando dela

As vezes querem e as vezes fogem dela

Mas continua chovendo

Estou sofrendo com esta chuva

E ninguém pode mudar

Vamos ter que aguentar

Mais um dia em nome do amor…

 

Autor-sonhosolitario

 
publicado por Sonhosolitario às 01:20
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

mais sobre mim

visitantes solitarios




.SELO: