arquivos

Junho 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Posts mais comentados

9 comentários
5 comentários

posts recentes

Teu Nome

Quem serei eu

FALIZ ANO NOVO

Sábado, 9 de Junho de 2012

Teu Nome

Teu nome

Chamei, teu nome

Quando sonho terminou

Tinha sonhado que tudo tinha acabado

Neste meu sonho

Nunca descobri

Como começou

Assim como acabou

Será que ainda estou sonhando

Ou somente imaginando

No lado da tristeza

Deste sonho

Mas porque sonhei!

Somente com teu nome

Havendo nomes sem fim

Indo eu ao teu encontro

Havendo rumos sem destino

Programados e nunca encontrados

Mas por encontrei eu teu nome

Esse que tanto me faz pensar

Para caminhos a encontrar

Será que encontrarei!

Pergunto a mim mesmo

Por quê o teu nome

Com tanto significado

Entre o presente

Futuro e passado

Esse nome que não sai

Do meu pensamento

Teu nome corrente do passado

Que me deixa assim neste estado

Acorrentado a esse teu nome

Para que encontre o nome certo

Para o meu sonho sonhar …

 

Autor-Sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 00:45
link do post | comentar | favorito
Domingo, 9 de Maio de 2010

Quem serei eu

 

Quem eu sou, não sei

Será que um dia saberei

Porque neste mundo viverei!

Que tipo de macho latino

Tenho eu no destino

Deste meu amanhecer

Que tenho

No meu entender

Será humano

Ou desumano

Este meu ser,

Que muito tenho para aprender

Será que sei amar,

Ou somente desejar

Quem sou eu!

Me interrogo a mim próprio

Que faço aqui

Onde estou

Será que sei amar?

Não sei a verdadeira razão

Onde me encontro!

Meu coração

Será que ele tem ilusão,

Pela vida tão curta,

Tenho de perdoar primeiro,

Para depois julgar

Assim será o meu entender

E sem confusão

Para amar com devoção

E saber como entregar

O amor a uma paixão.

Autor sonhosolitario

 

Contracenou e comentou

O que muito me agradou

      Obrigado

        Amiga

    Alzira Macedo

         

Quem serei eu
quem serás tu
quem serão eles
que buscam em si
a resposta a tantas duvidas
vivemos dia após dia
no sussurro do bater do coração
no olhar magico da ilusão
no cavalgar de sonhos
tão desejados
na realização,
de alguns mais ousados
então a duvida surge
reaparece…
saberei amar
ou será apenas
um desejar…
um viver de emoções
um agarrar do desejo
uma partilha mutua
é o verdadeiro amar
não existem segredos no amor
é simples…
é belo…
é o bater forte de emoção
quando no pensamento surgem
imagens de recordação
dois corpos que se uniram
na entrega total
de um fim de tarde
e deixa rastos de bem estar
pela noite dentro
num belo amanhecer
este que é nosso viver….

da autoria da poetisa

Alzira macedo 

publicado por Sonhosolitario às 22:18
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Segunda-feira, 29 de Dezembro de 2008

FALIZ ANO NOVO

 

Olá meus queridos amigos virtuais, e amigos do coração

Aqui estou para lhe desejar, virtualmente e pessoalmente

Um feliz ano novo, muito próspero, cheio de felicidade

Pois aqui estou para fazer um balanço deste ano passo

Pois aqui estou para agradecer todos amigos e desconhecidos

Que passaram por este meu cantinho, obrigado a todos

                 

Vou lhe dar a conhecer o balanço deste ano

Fui um ano positivo, mas muito constrangedor,

Na medida de alguém de fazer a minha vida difícil

Andar sempre tentar fazer malícias, sem razões aparentes

Só porque se julga alguém,

 Infelizmente não tem educação por ninguém, nem pela sua

Própria pessoa,

 Mas não vou mencionar seu nome porque não vou sujar o meu blog,

 

Perdi alguém que amava

Perdi amigos

Ganhei amigos

Ajudei, fui ajudado

Ganhei, perdi

Porque tudo faz parte desta vida,

Fazer bem não olhar a quem

 

Estou feliz e ao mesmo tempo triste,

Por ver tanto sofrimento

Miséria, fome, tudo e mais coisas na vidas das pessoas

Em que me sinto acorrentado sem puder ajudar

Sofro muito no natal, porque vivo muito por quem sofre

E lembro-me das pessoas que já não estão aqui,

 

Por isso quero desejar a todos amigos um feliz ano novo

Muita saúde, felicidades, e muito boa sorte

São os votos deste vosso amigo SonhoSolitario

 

 FELIZ ANO NOVO.

  

sinto-me:
música: KILL ME SOFTLY
publicado por Sonhosolitario às 20:52
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

mais sobre mim

links

subscrever feeds