arquivos

Junho 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Posts mais comentados

3 comentários
2 comentários
1 comentário

posts recentes

Espelho de água

Liberdade

PALAVRAS

Quinta-feira, 21 de Março de 2013

Espelho de água

Espelho de água

Espelho minha sombra de vida

Na mistura do suor do amor

Enquanto lavava o meu rosto

Vieste-me ao pensamento

Tua face enquadrava com a minha face

Da água para o espelho

Minha visão fez bater meu coração

Com está visão rebentava de emoção

Meu espelho de água

Era como um rio desaguando ao mar

Assim seu amor contemplar

Pela terra nua do amor e amortecer minha dor

O meu coração só queria ser tua grande paixão

Nesta minha imaginação deste meu espelho

Assim desaguou este espelho de água

Nem rasto deixou

Só o meu amor ficou

Deixando um rasto a traz de si em flor

Caminho lembrado e relembrado

Tatuado em meu peito com amor por direito

Jamais quero perder tua imagem neste meu espelho

É tudo quanto me resta, Ho espelho de água

Das lindas memórias de amor

Sempre que desejo matar saudades

Venho a este espelho feito por lagrimas do meu rosto

Onde se transforma num grande rio de emoções

A semelhança deste meu amor

Que eu só queria amar! QUE só queria amar,

Assim te conheci, assim me apaixonei

Neste estado fiquei

Não quero que sofras como eu sofro

Quero que sejas feliz, assim te recordarei

Neste espelho de água

Aqui lavo minha dor ,RECORDO EMOÇÕES

Com as minhas palavras e situações

Com meu e teu amor

E no meu coração partido

Só te queria dizer que te amava a valer

No espelho vejo teu rosto

Na água lavo a minha mágoa

Ao espelho falo do meu amor

Com a água caminho ao teu encontro

Para me ajudares nesta minha grande dor

Porque queria ser teu interno amante

Por toda vida e todo instante

Te amo, meu amor meu amorrrrrrrrrr….

Autor -Sonhosolitario

 

Te ofereço a ti minha ademiradora

para que sejas muito feliz em tua vida

com um doce beijinho...

publicado por Sonhosolitario às 02:50
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 13 de Março de 2013

Liberdade

Liberdade

Pensando em liberdade

Luto por ela e lutei por ti

Mas tu ficaste liberta de mim

E me deixaste assim

Entre as sete maravilhas dentro de mim

Com pensamento e indecisões do amor

De palavras com juras concebidas

Entre o ser libre e não sentir a liberdade

E não se render a prisão da vida

Com irracionalidade do prazer

De uma nudez desejada

Rendida e alcançada

Entre os pensamentos de liberdade

De um mundo somente a dois

Que tudo nos pertencia e nada era nosso

Falávamos através do pensamento e olhares

De uma felicidade infinita de amor

E ter receio de ao passado voltar

Mas com muita força lutar

Para a liberdade depurar

E algumas coisas ajustar

Com as tuas confissões

E traduções desse teu pensamento

Dessa inexistente liberdade tua

Prisioneira do teu pensamento

E da tua liberdade

Em que eu te desejava por companheira

E no meu desespero perguntando a mim mesmo

Como o destino te encaminhou até a mim

Nessa tua fuga desse enqueceramento

Em que te ajudei a quebrar as correntes do passado

Que ainda se encontravam em muito bom estado

E ansiavas pela liberdade

De um novo amanhecer

De tuas mãos entrelaçadas com as minhas

No novo rumo da vida

De um brilhante sorriso

Em que tudo estava liberto

E nada era libre

E pergunto a mim mesmo; porquê

Não sendo eu merecedor

Sendo eu o libertador da tua e minha vida .

Autor-sonhosolitario

 

 

 

publicado por Sonhosolitario às 06:10
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 4 de Agosto de 2012

PALAVRAS

Palavras

Hoje não tenho palavras

Tenho sim uma forte emoção

Irei deixar falar meu coração

Vai ser livre como o vento

Vou mostrar todo o meu sentimento

Entre o amor e paixão

Já que não tenho palavras

Falara o coração

Mostrará com as batidas

Cada batida uma palavra

Cada som e um sentimento

Já que não tenho forças para escreve-las

Serão ditadas com o meu coração

Assim começou

Te vi e olhei e assim fiquei

Será que te devia dizer

Sim devo dizer que te amo

Já que tu não podes

Será que devo viver sem ti!

Posso mas não é o mesmo

É duro penoso, e sofredor

Meu coração não encontra cura

Me mata com esta grande dor

Para este amor, ele pergunta?

Porque te apaixonas

E coração diz

Ninguém me comanda

Quando amo

Somos dois no sofrimento

Eu e o meu coração

Alguém tem a cura

Ajuda se precisa

Ajudem e estou apaixonado

Culpa do meu coração

Não consigo controlar

Não me obedece

Ele está louco de paixão

Não quero ser curado

Porque é lindo e bom estar apaixonado

Por alguém como tu meu amor

Quando ouço a tua voz, sonho

És minha nesses momentos

Porque viver é recordar

E por este amor é bom morrer…

 

o autor-sonhosolitario

 

dedica este poema amiga

a doce,

 ademiradoratua

mais estas rosas para que tenhas muita felicidade em teu nobre coração,

doce beijo, minha doce

ADEMIRADORATUA

 

 

 

publicado por Sonhosolitario às 22:36
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

mais sobre mim

links

subscrever feeds