arquivos

Junho 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Fevereiro 2017

Julho 2016

Outubro 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Posts mais comentados

25 comentários
2 comentários

posts recentes

Navegando em minhas palav...

Cicatriz

Carta da Verdade

Sábado, 8 de Março de 2014

Navegando em minhas palavras

Navegando em minhas palavras

Querem palavras, sim palavras,

Então vou repartir com vocês

Minhas palavras de um marinheiro navegando

Poder incalculável move nossos sentimentos

O poder da sua palavra percorre todo seu cérebro

Vivemos ontem, hoje, e amanha

Na esperança de uma nova palavra nunca explicada

Palavras que ficaram atrás, deixando sem paz

Porque tanto queria ouvir essa linda (palavra)

E penso nunca mais ouvir

Lembro-me que te falei,

Assim te toquei com minhas palavras

Sinto em meus dedos traçando o rumo

Dos acontecimentos

Tudo queria abraçar com palavras

Não consegui

Perdi-me no meio das nossas palavras

Ferido fiquei na alma e sentimento

Assim o juramento de nada valeu,

Somente foi eu quem te perdeu

Foram as tuas palavras evaporadas com os ventos

As que tenho em minha memória

Luto para que não se apaguem

E me convidam a navegar pelos sete mares

Procurando uma palavra certa

Essa sim queria eu ouvir com clareza e seu sentimento

Do nosso trato e juramento das nossas palavras

Sempre que te busco não te encontro

Navego em sonhos dolorosos

Não encontro caminho de retorno

Porque a palavra e tem o seu poder

Se não houver emoção que se sinta o coração

Ficamos sem palavras por muito tempo

Exprimir meu sentimento,

Somente me ajuda navegar nas nossas palavras

Peço ajuda ao Rei Neptuno senhor dos mares

Para que consiga navegar sem palavras

Está sendo doloroso e este meu navegar

Por isso navego nelas como moribundo de coração partido

Porque esse amor é meu

Assim será quando palavra encontrada

O tempo tem palavras e tenho muitas perguntando a mim próprio

Tenho tentado viver sem palavras mas fraquejei sem elas

Fecho os olhos para não ver passar o tempo

Apareceste assim numa encruzilhada de quatro rumos

Três contra e somente o meu em teu favor

Assim estou neste momento de desespero

Mas sem medo algum

Quando se ama não se teme

E eu te amo, amor minha vida…

 

 

 

(((Palavras de um marinheiro navegante nos confins do mundo)))

 

Autor-sonhosolitario

 

publicado por Sonhosolitario às 17:59
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 23 de Agosto de 2012

Cicatriz

Cicatriz

Hoje foi ao tatuador

Para me tatuar

Minhas lagrimas partidas

Por tua traição do nosso amor

Tatuei os meus sentimentos

Descrevi o que o sofrimento

Para que tu sentisses o sinto

Do meu amor por ti

Ia tatuar uma lagrima

E essa lagrima se tornou num rio

Com seus fluentes

Que querem fugir da verdade

Da realidade do tempo

Todos nossos segredos

Estarão tatuados no meu corpo

A maior cicatriz está escondida no coração

Para que ninguém a veja

Tudo por dentro está desfeito

Só me resta minha pele

Para me flagelar

Já nada em mim mexe

Tudo está ferido

Neste meu mapa do meu corpo

Queria lavar-me nas minhas lagrimas

Para que nada fica-se marcado

Esta tua traição

Desse amor desconhecido

Assim tatuaste meu corpo

Sem tu sentires a agulha

Me rasgar e me fizeste sangrar

Assim desenhaste minha pele

Com todos meus sentimentos

Dos meus dias, para viver

Para viver, tatuada e a dor gravada

No meu coração.

Autor-sonhosolitario

publicado por Sonhosolitario às 14:35
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2009

Carta da Verdade

 

Carta da verdade

 

 

Peço desculpas a todos os meus amigos pelo que vou apresentar e agradeço, antecipadamente, a atenção e benevolência de todos.
 
Como sabem, este meu site é de música e nada tem de ligações com o mundo do
maldizer:
 
o Senhor "sonhocomandaavida" 

http://osonhocomandaavida.blogs.sapo.pt/

 

tem publicado ao longo de dois anos no imeem e noutros seus blogs, (onde se faz passar por mulher, de nome Susana) factos inventados onde me maltrata, persegue e mente, acerca da minha vida.
É uma perseguição nefasta e cruel, onde se calunia com mentiras, nunca provadas - pois
não há nada a provar!...
 
Aconteceu-me pedir há 2 anos, a esse Senhor, ajuda no construír de um blogs; tinha a minha password e divertia-se com os amigos de Trabalho, contra a minha pessoa. Eu não sabia de nada! Só sabia e sei que usa um nome para os cavalheiros, onde se faz passar por "mulher" e tem outro nome para contactar as Senhoras.
 
Para mim, era um "Bom Samaritano" e enganou-me de forma desumana e não feliz com isso, tem continuado uma perseguição camuflada - para que os meus leitores não possam perceber o que se passa!
 
É fácil caluniar! Mostrar provas da calúnia, é complexo e dificíl! Mas sabe que o que diz é falso e mente de forma alucinada e cruel.
Porquê essa maldade insana ?
Está relacionado com uma Senhora a que se refere com frequência, considerando a Senhora, muito jovem para mim e da idade certa para ele ?
Então, são ciúmes infundados!  Nada disso é verdade e ele sabe!...
 
É caso para perguntar : - persegue uma pessoa em desvario que nenhum mal lhe fez ?
 
Cobardia da mais grave! : - Peça Desculpa e eu , não mais torno ao seu imeem!
 
Para que a sua DOR doa menos aprenda a conformar-se com ela, porque ela representa a sua libertação, o meu sossego e a minha liberdade. 
 
Por hoje e espero que para sempre, esta situação morra e eu possa com dignidade (que nunca perdi),
 continuar a minha vida...

 

 

autor sonhosolitario

 

 

 

 

 

sinto-me:
música: stay with me - goram karan
publicado por Sonhosolitario às 20:41
link do post | comentar | ver comentários (25) | favorito

mais sobre mim

links

subscrever feeds